Para visitar: MASP - Museu de Arte de São Paulo

O post de hoje é sobre o MASP, o qual tive oportunidade de conhecer na minha última ida a São Paulo.

HISTÓRIA DO MUSEU
O MASP – Museu de Arte de São Paulo é um museu privado sem fins lucrativos e foi fundado pelo empresário brasileiro Assis Chateaubriand, no ano de 1947, tornando-se o primeiro museu moderno no país.

LOCALIZAÇÃO
Ele fica localizado na Avenida Paulista e é um dos cartões postais da cidade de São Paulo, mesmo quem não sabe que é um museu, com certeza já viu aquele prédio, devido a sua arquitetura diferente.
A construção foi um projeto da arquiteta Lina Bo Bardi, que se tornou um marco na história da arquitetura do século 20, mas o museu só foi transferido para essa sede atual, na avenida Paulista, em 1968.

ARQUITETURA
A construção tem como base o uso do vidro e do concreto (parecido com a Fábrica da Natura, veja AQUI), as paredes são de concreto aparente e podemos ver tubulações, o que lembra bastante uma pegada industrial.
As paredes de vidro deixam os ambientes claros, por causa da claridade que vem de fora, do sol. Até mesmo no banheiros, uma parede é totalmente de vidro.

Quando olhamos de fora é que ficamos mais impressionados, porque existe um “vão livre”, que foi pensado como um local para a população, como uma praça.
No dia em que fomos estava sendo realizada uma feira de antiguidades.
O museu tem 2 andares, mais o térreo e 2 subsolos.


EXPOSIÇÕES

No primeiro andar ficam as exposições temporárias, onde quando fui estava sendo exposto todos os cartazes da parada gay, desde sua primeira edição e também fotos antigas do centro de São Paulo.


Nesse primeiro andar também tem o Café MASP Suplicy, os banheiros e o fraldário.

No segundo andar ficam as exposições de longa duração do próprio acervo, algumas frutos de doações da sociedade local ao museu, outras adquiridas com o tempo.
Esse foi o andar que mais gostei, com obras maravilhosas, quadros de pintores que aprendi na infância e pude ver pessoalmente, como: Cândido Portinari, Vincent Van Gogh, Monet, Renoir, Manet , Cézanne, entre outros.








INGRESSOS E FUNCIONAMENTO
Os ingressos são comprados na bilheteria que fica no térreo, onde também tem um guarda volumes gratuito e o detector de metais.

Horário de Funcionamento:
Terça a domingo: 10h às 18h (bilheteria aberta até 17h30) 
Quinta-feira: 10h às 20h (bilheteria até 19h30) 
Segunda: Fechado 


Ingressos:
INTEIRA: R$ 30,00 
MEIA: R$ 15,00 (Estudantes, professores e maiores de 60 anos) 
Toda terça-feira a entrada é gratuita para todos. Para menores de 10 anos, a entrada é gratuita

MINHA OPINIÃO

Eu super recomendo a visita ao MASP, como disse lá em cima, eu pude apreciar obras da qual só havia visto na televisão e nos livros, fiquei até um pouco emocionada quando comecei a andar pelo museu e reconhecer.
Se tiver oportunidade, o Masp é um lugar que com certeza vale a visita.



*Grande parte das informações foram retiradas do folder que o próprio museu entrega quando compramos o ingresso.

Acompanhe o blog nas redes e fique por dentro das novidades:



Facebook  ♥ Instagram ♥ Youtube

Share:

0 comentários